A Lista de Convidados

Olá, meninas tudo bem?
Hoje eu vou falar de um tema polêmico, que, quase sempre, causa muitos stress para as noivas que estão preparando o casório: a temida lista de convidados.
A tarefa é complicada e exige o máximo de todas as sua habilidades de diplomacia, negociação, cálculo e até adivinhação.
Minha ideia é dividir um pouco da minha experiência e te trazer uma luz pra clarear essa bagunça que se forma na nossa cabeça na hora de escolher quem vai ou não constar na nossa lista.


Quem convidar?

Quando ficamos noivas as pessoas começam a soltar todo tipo de indiretas (e diretas) pra registrar que querem ir a nossa festa, e com isso a maioria das felicitações pelo noivado vem acompanhada de um" inocente" : Não quero perder essa festa, hein? ou variações dessa frase que tem o único objetivo de te lembrar que quer ser convidada. Acontece que as pessoas que são realmente importantes jamais serão esquecidas, não tem como. Elas são importantes. Por isso comece a lista por essa premissa: Quem é importante? Quem esteve comigo nos momentos mais especiais? Quem eu quero que frequente minha nova casa e mantenha uma relação duradoura com a família que irei formar?

Foto: Google


Essas, e outras perguntas desse tipo, vão te fazer refletir sobre as pessoas que realmente merecem estar nesse dia especial. 
Gente, casamento é um momento único de celebração e alegria, e que custa caro. Não dá pra usar o momento pra fazer a política da boa vizinhança com o mundo inteiro (A menos que você não se importe de ter uma lista com 1500 pessoas nela).
Listadas as pessoas importantes pense imediatamente nas pessoas importantes pra ela. Explico melhor: A pessoa mais importante pra mim é meu marido, me sentiria muito desconfortável se fosse convidada para um casamento e ele não. Agradeceria o convite, mas não iria. Portanto se alguém é realmente importante pra você, considere convidar quem é importante pra ela, pra evitar que alguém querido não esteja presente no seu grande dia. Claro,que há exceções. Você tem aquele tio querido e especial que você gostaria muito que estivesse presente, mas ele tem 4 filhos, todos casados e com mais filhos, e que você não vê há anos. Certeza que eles são importantes para seus tios, mas não precisa convidá-los, né?

Foto Nano Gallego

Nesse quesito lembre-se também dos seus pais e sogros, há, com certeza, pessoas muitos especiais na vida deles que eles gostariam de compartilhar essa alegria. Ceda algumas vagas a eles. E se eles quiserem extrapolar o limite do bom senso (convidando uma multidão de desconhecidos) converse abertamente, explique os custos que envolvem cada convidado e as limitações de seu orçamento. Certeza que a conversa franca, vai resolver o impasse.
Isso nos leva para o próximo tópico.

Seja franca e saiba dizer não

Muitas noivas sofrem horrores na hora de preparar a lista porque não conseguem dizer não. Tá na hora de parar com isso. O casamento é seu, os gastos são seus, o dia especial é seu. Não tem porque temer.
Foto: Google
Não precisa de grosserias e nem acabar a amizade com aquela colega de trabalho com quem você costuma conversar, uma conversa clara e educada sobre como sua lista está apertada e seu orçamento não permite estender a muitas pessoas o convite tirará um peso das suas costas e evitará a fama de chata.
Pratique a gentileza seguida de um não, é libertador.
Ah! Mas é importante ter bom senso. Nada de passar 1 ano contando todos os detalhes de seu casamento, levando amostra de docinhos e papéis, envolvendo todo mundo do seu trabalho nos seus preparativos pra depois não convidá-los. Não precisa se casar escondida, mas não crie falsas expectativas também.

Foto: Google

A lista sob controle é fundamental para garantir serviços de qualidade e conforto para os convidados, isto porquê serviços como o de buffet, por exemplo, cobram por pessoa. Se você tiver uma lista gigante e um orçamento limitado vai ter de optar por um serviço mais barato e que talvez comprometa  a qualidade do atendimento dado a seus convidados. Melhor convidar menos pessoas e garantir uma festa agradável a todos eles, do que tentar agradar todo mundo e ter mais gente na sua festa do que você pode custear.

Foto: Google



Considere os ausentes

Muitas noivas se esquecem que nem todo mundo que é convidado pode comparecer ao casamento. Imprevistos acontecem pra todo mundo, e por isso sempre haverá faltantes. Considerar as ausências te dará uma margem para calcular lugares e contratar o buffet sem prejuízos.

Foto: Google

Os especialistas falam pra considerar uma margem de 20% de ausências, mas outros fatores devem ser levados em consideração para quem sabe aumentar ou diminuir essa margem. Por  exemplo, se seu casamento é em dia de semana, ou em mês de férias, próximo a feriados, ou se tem muitos convidados de outras cidades é possível que sua margem de ausentes seja ainda maior.
É melhor fechar lugares e comida pra menos pessoas e na semana do casamento, tomando por base as confirmações, aditar o contrato aumentando o número, do que ter prejuízos e um monte de lugares vazios.

Minha experiência

Foto: Rafael Ohana

Esses passos que dei a vocês foram seguidos por mim quando fiz minha lista. Com exceção das pessoas importantes, porque na empolgação acabei convidando gente nem tão importante assim, com certeza hoje minha lista seria ainda menor utilizando esse critério.
As conversas francas me garantiram a compreensão de minha mãe  e meus sogros, e até dos colegas de trabalho. Pra eles eu também levei alguns bem casados quando voltei de viagem e fiz questão de explicar que não dava pra convidar todo mundo. Foi super tranquilo.
A contabilidade correta dos ausentes, e a consideração daqueles critérios que falei acima me garantiram um acerto preciso de lugares e comida. Eu me casei numa sexta feira, no mês de janeiro e com vários convidados de fora. Resultado: ausência de 40%, lugares garantidos para todos e nenhum prejuízo com o buffet.
           
O importante é manter a calma, a tranquilidade e o raciocínio lógico. Nada de desespero ou de brigas, o momento pede alegria e serenidade.

Foto Google


Espero ter ajudado e se tiverem mais dúvidas é só falar.
Beijos

0 comentários:

Postar um comentário