10 dicas para o 1º ano de casamento

Oi pessoal!

A festa de casamento é uma coisa super importante e que ocupa nossos pensamentos diariamente, durante todo o noivado. Mas todas sabemos que o casamento começa exatamente quando a festa acaba. Tão importante quanto escolher a cor do guardanapo da festa é pensar na vida que espera vocês após o sim no altar, afinal de contas na festa tudo são flores e sorrisos, mas na vida real nem sempre é assim.

Foto: Mansano Fotografia


Não é a primeira vez que falamos sobre se preparar para a nova vida aqui  no blog {lembram desse post Aqui?}. Mas é a primeira vez que mais gente vai falar rs

Eu explico: falei com várias amigas casadas e pedi dicas de ouro para as novinhas se preparem para a vida a dois. E o post hoje traz o compilado dessas dicas preciosas que merecem ser seguidas.
Afinal, todo mundo quer envelhecer ao lado do seu amor, mas a gente sabe que a caminhada até lá é bem longa e, por vezes, bem espinhosa. 



Vamos lá? Anotem aí as 10 dicas para lidar melhor com o 1º ano de casamento:


" Respire fundo. Nem tudo são flores. Cada um vem de uma realidade diferente, com costumes e criações diferentes. Antes de brigar, respire e reflita. " - Camilla, casada há 4 anos.

"O casamento é fruto do que você planta. Apenas amor não é suficiente. É preciso carinho, dedicação, saber ouvir e falar e ter muito respeito. Amor e respeito constroem um belo casamento e também curam casamentos que não começaram tão bem. "- Elaine, casada há 7 anos.

"Não durma com raiva de seu cônjuge. É comum no primeiro ano acontecerem alguns stress nessa fase de adaptação. Mas não leve essas chateações para a cama. Resolva tudo com carinho e amor e então não correrá o risco de deixar amontoar mágoas em seu coração, o que prejudica o casamento. " - Mara, casada há 3 anos.

"Faça sempre com que sua casa seja um lugar para onde seu cônjuge queira voltar. É normal que o marido sinta falta do conforto que tinha na casa dos pais e não precisamos competir com nossa sogra, mas nossa casa deve ser um lugar onde ele se sinta bem, feliz e confortável e isso a esposa pode fazer. Casinha organizada, comidinha gostosa, esposa arrumada são coisas que podemos fazer para cultivar um casamento feliz." - Priscila, casada há 4 anos.

"Respeite o espaço do seu parceiro e converse com ele para que ele respeite o seu. Não é todos os dias que você quer ficar junto, tem dia que precisamos do nosso espaço para nós como indivíduos. " - Larissa, casada há 10 anos.

"Cuidado para não se endividar nos preparativos do casamento. Iniciar uma vida conjugal com o orçamento estourado é motivo para crise e desgastes que podem ser evitados com um bom planejamento. Uma vida financeira equilibrada é importante para a manutenção da harmonia do lar. A segunda dica é entender que a partir do casamento vocês formam uma nova família. Nós sempre amaremos e levaremos nossos familiares na nossa caminhada na vida. Mas é preciso ter consciência de que seus pais não devem determinar coisas ou se intrometer nas decisões de sua vida pois a intimidade e liberdade do casal deve ser preservada para evitar crises. A vida conjugal exige abrir mão de antigos hábitos para se permitir viver nossas experiências da vida a dois. Com paciência, respeito mútuo e muito amor, tudo dá certo. " - Marília, casada há 2 anos.

"Aprendi um tempo atrás que amar é proteger e prover. Devemos proteger nosso cônjuge de tudo que possa causá-lo mal e prover o que ele necessitar para ser melhor. Em todas as áreas da vida. E isso retornará pra nós em forma de um casamento sólido e feliz. Mesmo quando não estamos gostando do outro, podemos tomar a decisão de amá-lo. " - Nadja, casada há 10 anos.

"Cultive desde cedo pequenos hábitos que deseja levar para a vida toda. Um exemplo seria fazer as refeições juntos à mesa. " Iara, casada há 3 anos. 

" O primeiro ano de casamento é bastante desafiador para um casal. Ambos não precisarão mais marcar horário para se encontrar e estarão juntos em um lar. Ser pacificador é necessário quando as discussões e conflitos começam a passar de saudáveis à destruidoras. Não custa ir pedir perdão, mesmo quando temos certeza que estamos certas rsrs. Nunca ir dormir brigado, e não deixar pra resolver as diferenças depois é uma boa forma de não alimentar a raiva.  E não devemos contar os problemas conjugais para pessoas que não podem ajudar e nem levar para os parentes os defeitos de seu cônjuge. Por fim, gastem tempo juntos, pois além de marido e mulher, há um vínculo de amizade que deve ser alimentado dia após dia. Sonhem e planejem coisas juntos e surpreenda seu marido com  coisas inesperadas que nos tiram da rotina e despertam sentimentos maravilhosos." - Nicole, casada há 5 anos. 



Por fim queria deixar a minha dica:
Sejam generosos. Quando olhamos com generosidade para o outro somos mais pacientes, menos egoístas, perdoamos mais facilmente, somos mais compreensivos. O amor generoso também nos faz persistir mesmo quando as coisas não estão indo tão bem. Ame com generosidade desmedida e certamente o amor durará.

Desejamos pra vocês uma festa linda e um casamento que seja pra sempre uma festa. Que a gente chegue no fim da vida e diga : valeu a pena!


Beijos e bom final de semana!
Até segunda!

2 comentários:

  1. Dicas valiosas! Parabéns pelo post meninas...💛

    ResponderExcluir
  2. Dicas valiosas! Parabéns pelo post meninas...💛

    ResponderExcluir